Controle de Acesso
Um sistema de controle de acesso gerencia a movimentação (entrada e saída) de pessoas nas áreas internas de um condomínio, empresa, estabelecimento comercial, evento, instituição de ensino ou qualquer outro lugar em que o acesso é restrito. Esse tipo de medida é imprescindível para que a segurança das pessoas e a proteção dos bens patrimoniais esteja garantida.
Orçamento sem compromisso

Atendemos em todas as regiões de São Paulo.
Condomínio Monitorado
No caso de condomínios, o sistema de controle de acesso permite a geração de relatórios com os dados de frequência de cada funcionário cadastrado, a frequência em que um visitante ou prestador de serviços entra no condomínio e os horários em que isso acontece. Também é possível monitorar os horários em que há maior movimentação (entrada e saída) na portaria e saber com precisão a quantidade de pessoas que estão dentro do condomínio em horários desejados.
Mais segurança para empresas
O controle de acesso é ideal para donos e gestores de empresas que buscam uma forma autônoma e de baixo investimento para dar um upgrade na segurança do seu empreendimento.
Central de monitoramento
Salas de monitoramento e centrais de telefonia e redes são bons exemplos de espaços em um prédio que podem receber um controlador de acesso.
Fazemos toda infraestrutura

Casa, condomínio ou empresa: conheça os tipos de controle de acesso.

Em casa

Nas residências, o controle de acesso pode ser feito nos portões externos para identificar moradores e visitantes, no portão da garagem e nas portas principais da casa ou apartamento.

Porteiro eletrônico – há duas formas de utilizar. Uma é ter um equipamento que funciona com um telefone interno e ramal externo, como um interfone sem fios, e permite atender a porta sem sair de casa. Outra é um videoporteiro que você consegue visualizar o visitante e abrir a porta externa ou o portão da garagem.

Fechaduras digitais para as portas de entrada – a fechadura digital é prática: dispensa o uso de chaves, liberando o acesso por meio de senhas, cartões de aproximação ou biometria. Existem modelos de sobrepor, que podem ser colocados junto a fechadura convencional, e também de embutir, todos com alarme anti arrombamento, sensor de porta aberta, função senha protegida e travamento automático.

Nos Condomínios

Neste caso, como é preciso gerenciar um número maior de pessoas, os dispositivos também precisam ter a capacidade de cadastrar mais usuários. Ainda são mais áreas de acesso, por isso, vale a pena dispor de diferentes equipamentos.

Sistema de controle de acesso condominial – este tipo de solução integrada dá eficiência a entrada e saída de pessoas e veículos, além de permitir o gerenciamento de áreas comuns. Os acessos podem ser feitos de diferentes formas: por biometria (acesso por impressão digital), controle remoto veicular, tag de proximidade, interfone e senha, todos integrados a uma portaria eletrônica, proporcionando segurança, praticidade e conforto aos moradores de condomínio. Além disso, ele registra e gerencia todo o fluxo de pessoas e veículos através de dispositivos com tecnologia de ponta e conta com o sistema de gestão de acesso condominial, um software que mostra em tempo real informações detalhadas sobre os usuários, como fotos, placa dos veículos e locais acessados com data e hora. Entenda como é feito o controle para:

Entrada e saída de veículos – a abertura dos portões pode ser feita por controle remoto, que faz com que o portão abra automaticamente quando veículo com a tag se aproxima da garagem. Ao ser integrado ao sistema de gestão, também registra os veículos que acessaram o condomínio;
Entrada e saída de pessoas – o acesso pode ser feito por diferentes formas – senhas, tags e biometria – e também deve ser integrado ao sistema de gestão;

Gerenciamento de áreas comuns – espaços como salão de festas, academia e piscina também ganham mais segurança e há melhor gerenciamento do uso com o uso de controladores de acesso. Nestes casos, o mais indicado é utilizar dispositivos com liberação via senha ou tags de aproximação e também manter os registros atualizados e integrados ao sistema de gestão. Dessa maneira, no caso de alguma depredação por exemplo, o síndico consegue identificar com facilidade o autor da ação.

Nas Empresas
Para controlar o acesso a empresa ou a áreas estratégicas da organização – sala de segurança, CPDs e data centers, financeiro e estoque, por exemplo – pode-se utilizar equipamentos semelhantes aos dos condomínios. Assim, as entradas e saídas da instituição, tanto de colaboradores como prestadores de serviço podem ser gerenciadas com eficiência por meio de senhas, tags, cartões de aproximação, biometria ou reconhecimento facial. Além disso, as soluções também podem ser interligadas a softwares de gerenciamento que armazenam relatórios e possibilitam o gerenciamento remoto e em tempo real, autorizando ou removendo permissões de forma fácil e rápida.
1
Olá,
Estamos pronto para lhe ajudar, o que precisa?
Powered by